Segunda, 18 de junho de 2018, 08h22
Tamanho do texto A- A+


Esportes / derrota para o méxico

Alemanha cancela atividade para a imprensa após ser detonada

A derrota por 1 a 0 para o México, no último domingo, pela estreia na Copa do Mundo 2018, instaurou um clima praticamente de crise na Alemanha

A derrota por 1 a 0 para o México, no último domingo, pela estreia na Copa do Mundo 2018, instaurou um clima praticamente de crise na Alemanha.

Nesta segunda-feira, a seleção germânica repentinamente cancelou todas as atividades para a imprensa.

Cogita-se que seja uma resposta às pesadas críticas feitas pelos veículos do país após o inesperado revés de domingo, além do futebol ruim apresentado no estádio Luzhniki, em Moscou.

Originalmente, haveria uma coletiva com o ex-lateral Philipp Lahm, na qual ele daria detalhes sobre a candidatura da Alemanha para a Eurocopa de 2024. Além disso, os jornalistas poderiam acompanhar o treinamento da equipe.

A derrota para os mexicanos, porém, mudou tudo: a entrevista foi cancelada, e o treino foi fechado para repórteres e câmeras.

Espera-se que tudo volte ao normal na terça-feira, quando os atuais campeões do mundo voltam a treinar antes de voarem para Sochi, onde haverá o importante jogo contra a Suécia, no próximo sábado.

Veja algumas das críticas feitas pela imprensa alemã:

Bild: "A pior apresentação da defesa no ano, um ataque invisível e um meio-campo que só assistiu ao jogo. Que decepção! Alguém viu os atuais campeões do mundo por aí? Porque eles não estavam em Moscou ontem. Quatro anos após o gigantesco 7 a 1 sobre o Brasil, os donos do título perdem para o México. Havia um papo de boicote à Copa do Mundo por razões políticas, mas ninguém esperava que os comandados de Joachim Low fossem levar isso à sério logo no primeiro jogo. Quando Kimmich jogou tão mal? Onde estava a determinação de Muller? Mais uma derrota e estamos fora! Contra a Suécia será jogo de vida ou morte. Ou nossa festa pode acabar antes mesmo de começar"

Kicker: "Um cenário que parecia impensável há algum tempo de repente tornou-se real. Ou será que é apenas consequência do que veio acontecendo nos últimos seis meses, com apenas uma vitória nos últimos sete jogos - e ainda em cima da fraca Arábia Saudita. Low tem que resolver problemas fundamentais. Até agora, ele sempre conseguiu fazer a equipe corresponder na hora que precisava, mas contra o México faltou tudo para um time que teve oito campeões do mundo em campo: fome de bola, estabilidade defensiva, inspiração e clareza física e mental. Parecia uma equipe fora de sua melhor forma"

Die Welt: "Que arrancada horrível. Contra o México, faltou à Alemanha tudo o que um postulante ao título precisa: ideias, desejo de vencer e coração. O 1 a 0 em Moscou foi a primeira derrota de Joachim Low em uma partida de estreia desde que ele assumiu o time. Agora, seu elenco entra extremamente pressionado nas partidas contra Suécia e Coreia do Sul"

Suddeutsche Zeitung: "Faltou uma bússola. O time alemão não pareceu tão desorganizado e desesperado por um longo até essa derrota para o Mëxico. Não é difícil de entender que o elenco titular mais velho da Alemanha desde 2002 parece ter chegado ao auge há quatro anos. Quem encarou Joachim Low nos olhos após o jogo garante que ele parece bem preocupado, apesar de dizer que está tudo bem. Sua boca pode ter dito isso, mas seus olhos revelam que ele não está falando a verdade"



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2018 - Todos os direitos reservados