Humor do Dia

28.02.2014 | 16h00
Tamanho do texto A- A+


Esportes / PESOS-MÉDIOS

Belfort diz que vai lutar contra vencedor de Weidman x Lyoto

No novo comunicado, a principal preocupação de Belfort foi mostrar que não saiu do UFC 173 por livre e expontânea vontade



Depois de anunciar que está fora do UFC 173, Vitor Belfort voltou a se manifestar sobre o assunto, ainda nesta sexta-feira. O carioca explicou melhor porque não poderá enfrentar Chris Weidman em maio e ainda contou uma novidade. De acordo com ele, está tudo certo para que o retorno ao octógono aconteça contra o vencedor de Weidman x Lyoto Machida, valendo o cinturão dos pesos médios.

No novo comunicado, a principal preocupação de Belfort foi mostrar que não saiu do UFC 173 por livre e expontânea vontade. "Vitor Belfort não desistiu da luta, foi obrigado a desistir", escreveu ele no Twitter, divulgando o link para uma mensagem no Facebook.

 

Belfort então comentou que teve que sair da luta porque não havia tempo suficiente para ele ficar sem testosterona no corpo - como faltam menos de três meses para o combate, o brasileiro já tinha começado o uso do tratamento de reposição de testosterona (TRT), método que foi proibido pela Comissão Atlética de Nevada nesta sexta.

 

Esse tempo necessário para Belfort ficar "limpo" será dado pelo UFC. Após o combate entre Weidman e Lyoto, que acontecerá em 24 de maio, o carioca já poderá lutar pelo cinturão sem ter que fazer outros combates.

A notícia só é péssima para um brasileiro: Ronaldo Jacaré vem de três vitórias consecutivas entre os pesos médios e já estava cotado para lutar pelo cinturão. Porém, com tantas mudanças, ele terá que esperar pelo menos dois combates antes de ter a chance de título. É provável que, após se recuperar de uma lesão no braço, tenha que fazer uma nova luta para se credenciar novamente ao cinturão.

Veja o anúncio de Belfort na íntegra:

Nunca desisti de lutar no UFC 173 e nunca falei isso. Portanto, toda informação publicada em qualquer veículo de comunicação anunciando isso não é verdadeira.

O que anunciei foi que estarei "desistindo do TRT" e não "desistindo da luta" para continuar o meu sonho de lutar.

O UFC decidiu colocar outro oponente em meu lugar pelo fato de eu não ter tempo hábil de me adequar as novas regras da NSAC. Segundo o UFC, enfrentarei o vencedor de Weidman vs Lyotto dentro dos novos regulamentos de todas as Comissões Atléticas.

Lamento que isso tenha acontecido,e agradeço a força e compreensão de todos os fãs, patrocinadores, UFC e as próprias comissões atléticas.



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Institucional

Enquete

Qual é o melhor nome para comandar Mato Grosso a partir de 2015?

Pedro Taques

Lúdio Cabral

José Riva

Muvuca

José Cavalcante

  • Parcial Votar

Vídeos

Homem sacaneia amigo e o joga no meio dos porcos

Polícia encontra suposta ossada de Eliza Samudio em aeroporto de MG

Médico faz criança rir para aplicar injeção

Newsletter



Mato Grosso Notícias © 2013 - Todos os direitos reservados