Quarta, 27 de fevereiro de 2019, 09h22
Tamanho do texto A- A+


Esportes / Zerado há dois jogos

Palmeiras tenta evitar maior seca na volta de Felipão

O mesmo jejum é vivido agora, com os empates em 0 a 0 com Ferroviária e Santos

Sem marcar há dois jogos, o Palmeiras recebe o Ituano nesta quarta-feira, às 21h30, no Allianz Parque. O confronto da nona rodada do Campeonato Paulista pode impor o maior jejum de gols desde que Luiz Felipe Scolari voltou ao clube, em agosto do ano passado.

De lá para cá, o Verdão não passou de duas partidas de seca. A primeira vez que ocorreu uma sequência assim foi entre os dias 26 e 30 de agosto de 2018, no empate em 0 a 0 com o Internacional pelo Brasileiro, e na derrota por 1 a 0 contra o Cerro Porteño (PAR), no Allianz, pela Libertadores. O mesmo jejum é vivido agora, com os empates em 0 a 0 com Ferroviária e Santos.

A falta de gols alviverdes neste início de temporada tem mais a ver com a falta de pontaria do que com a quantidade de chances criadas. Isto porque o Palmeiras é a quarta equipe que mais finalizou no Estadual (média de 13,4 tentativas por jogo), mas a segunda com pior índice de acerto (28%, só na frente da Ponte Preta, com 26%).

Contra o Santos, por exemplo, Borja teve uma chance clara para fazer o gol da vitória, sem goleiro, mas errou a finalização. Felipão, contudo, vê como positivo o fato de sua equipe conseguir chegar com frequência à meta adversária.

- O repertório está bom, tem criado oportunidades. E, quando se cria oportunidades, a gente não pode reclamar de nada, não. O que a gente pode cobrar da equipe e dos jogadores é qualidade no último chute, no último cabeceio. E isso a gente faz durante a semana - avisou Scolari.

Com apenas sete gols em oito jogos disputados no Paulistão, o Palmeiras terá no confronto desta noite um importante termômetro, pois será o último duelo antes da estreia na Libertadores, quarta-feira que vem, contra o Junior Barranquilla (COL). Vai embalar?



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2018 - Todos os direitos reservados