Sábado, 15 de julho de 2017, 07h32
Tamanho do texto A- A+


Esportes / r$ 51 milhões

Santos tenta dar chapéu no São Paulo para contratar Matheus Jesus

O garoto já está no Brasil e estava muito perto de ser apresentado no São Paulo

O Santos está perto de anunciar a venda do volante Thiago Maia para o Lille, da França, por 14 milhões de euros (R$ 51 milhões). Antes mesmo de perder seu titular, o Peixe busca uma reposição rápida e pode dar um chapéu no rival São Paulo.

 

O Peixe abriu negociação com Matheus Jesus, de 20 anos, que pertence ao Estoril, de Portugal, e foi revelado na Ponte Preta. O garoto já está no Brasil e estava muito perto de ser apresentado no São Paulo. Inclusive, a negociação havia sido tocada individualmente pelo presidente tricolor, Carlos Augusto Barros e Silva, o Leco.

 

Assim como na negociação do São Paulo, o Alvinegro busca ter Matheus Jesus por empréstimo até o fim de 2018, com valor de compra fixado. O Tricolor já está ciente do interesse do Peixe e há quem trate no clube a negociação como perdida para o rival da Baixada Santista.

 

A movimentação pode causar ruptura na relação sempre amistosa de Leco com Modesto Roma Júnior, presidente do Santos. O mandatário são-paulino é entusiasta de Matheus Jesus e fez questão de lidar com sua negociação pessoalmente, inclusive buscando detalhes de seu perfil. Nesta semana, dizia a conselheiros que a contratação do volante estava certa, indicando que faltavam só detalhes burocráticos - o estafe do jogador passava a mesma informação.

 

Matheus Jesus surgiu na base do Flamengo e foi repassado antes mesmo de ser profissional à Ponte Preta, por problemas disciplinares. Foi promovido ao time principal da Macaca em 2016, com 18 anos, e logo ganhou espaço, mas acabou novamente afastado por casos de indisciplina nos primeiros meses de 2017.

 

​No primeiro semestre deste ano, a Ponte Preta acordou com o Estoril, de Portugal, a negociação do jogador, que acabou validada oficialmente nesta semana. Matheus gostaria de continuar no futebol brasileiro e informou isso aos portugueses, que fizeram valer o que foi combinado e acertaram contrato de cinco temporadas, mas aceitaram cedê-lo porque não queriam no elenco um atleta indisposto a ficar.

 

No São Paulo, Matheus Jesus é um desejo de Leco para dar mais opções no meio-campo depois da saída de Thiago Mendes, vendido ao Lille, da França. Petros, ex-Betis, da Espanha, já chegou e está atuando ao lado de Jucilei, mas o presidente sempre fez questão de ter no elenco um jogador de sua indicação, como é o caso do ex-volante da Ponte Preta.



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2013 - Todos os direitos reservados