Sexta, 28 de dezembro de 2018, 15h28
Tamanho do texto A- A+


Geral / mt-010

Governo inaugura trincheira em Cuiabá

Governo de Mato Grosso investiu R$ 25 milhões na construção da trincheira que vai melhorar o trânsito na capital e acesso aos municípios das regiões sul e norte de MT

O Governo de Mato Grosso inaugura nesta sexta-feira, a trincheira de 365 metros, construída entre as rodovias Helder Cândia (Estrada da Guia / MT-010) e Emanuel Pinheiro (Estrada da Chapada / MT-251). A obra foi executada por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) e receberá o nome Engenheiro Roberto Flávio Abbott de Castro Pinto.

A nova trincheira tem 7.311 m² e vai desafogar o trânsito e melhorar o acesso a bairros como Ribeirão do Lipa, Jardim Ubirajara e Despraiado, em Cuiabá, além de facilitar o acesso às cidades de Acorizal, Jangada, Rosário Oeste, entre outras do Norte do Estado, bem como de Chapada dos Guimarães, Campo Verde e a região Sul.

Este é um investimento de mais de R$ 25 milhões, e contará com uma rotatória onde ficará instalado o heliponto (área de pouso para helicópteros). Os recursos são do Prodestur, programa ligado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec).

“Esta é uma obra moderna e de extrema qualidade. Utilizamos inovações tecnológicas e engenharia adequada para solucionar problemas de drenagem de águas pluviais. Foi usado um método diferenciado em relação às outras trincheiras de Cuiabá”, frisou o secretário da Sinfra, Marcelo Duarte.

Paralelo à construção da trincheira, o Governo está duplicando o perímetro urbano da rodovia da Estrada da Guia até o trevo de acesso ao Rodoanel, no total são 4,9 quilômetros, com investimentos de R$ 35 milhões. A rodovia terá uma ciclovia no canteiro central, três pistas de rolamento e iluminação em LED, assim como os serviços realizados na duplicação da Estrada da Chapada, onde foram investidos R$ 30 milhões.



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2018 - Todos os direitos reservados