Sexta, 20 de dezembro de 2013, 15h54
Tamanho do texto A- A+


Judiciário / MUDANÇA

TRT/MT inaugura sede própria do Fórum de Várzea Grande

A nova sede vem garantir mais conforto e condições adequadas

Após vencida uma série de desafios para levar à frente à construção do Fórum Trabalhista de Várzea Grande, foi realizada ontem (19) a solenidade de inauguração da sede própria da unidade.

Os esforços empreendidos para concluir o imóvel no início deste ano, conforme previsto inicialmente, foram lembrados pelo presidente do Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso (TRT/MT), desembargador Tarcísio Valente.

O cronograma, no entanto, não pode ser cumprido em razão da quebra de contrato com a construtora, resultando, assim, na devolução obrigatória do orçamento da obra ao tesouro nacional.

As deficiências das condições físicas do imóvel onde funcionavam provisoriamente as duas varas e o foro de Várzea Grande reclamavam especial empenho para a solução do problema. Era preciso melhorar as acomodações e assim oferecer um ambiente físico adequado aos várzea-grandenses bem como à população dos outros três municípios (Jangada, Nossa Senhora do Livramento e Poconé) atendidos pela unidade.

“Graças à consciência cívica e a sensibilidade da bancada federal de Mato Grosso que, sob as lideranças do deputado federal Valtenir Pereira e do senador Jayme Campos, viabilizou recursos orçamentários através do Projeto de Lei do Congresso Nacional n. 7, foi possível retomar a obra e, mais do que isso, nos permitiu também contemplar todo o projeto do Fórum com aporte de recursos necessários para a execução da parte térrea, incluindo o auditório”, ressaltou o presidente.

A nova sede vem garantir mais conforto e condições adequadas para o Fórum Trabalhista que somente este ano recebeu mais de 3,8 mil processos (sendo 1.921 na 1ª Vara e 1.893 na 2ª Vara).

Conforme o diretor do Foro, juiz Wanderley Piano, além do número de novas ações, as duas varas se destacam pela quantidade de processos solucionados, superando os 2.100 processos cada uma. “Agora, nesta nova e funcional ‘casa própria’ poderemos oferecer um atendimento com maior conforto, mais digno e de qualidade a todos”, concluiu durante a solenidade que chamou de marco para a sociedade local e para a Justiça do Trabalho mato-grossense.

HISTÓRICO - Instalada em agosto de 2011, a unidade da Justiça do Trabalho em Várzea Grande funcionava desde então em um prédio alugado, na avenida Presidente Arthur Bernardes, no Jardim Aeroporto. Nesse mesmo bairro fica situado o terreno de 3,6 mil metros quadrados, doado pelo Município para a construção da sede definitiva.

Depois de seis meses de paralisação, devido ao abandono dos trabalhos pela empresa vencedora da licitação, a construção foi retomada em setembro. A ganhadora do novo processo licitatório responsabilizou-se pela conclusão do prédio, o que incluiu as instalações elétrica, hidráulica e de lógica, colocação de revestimentos.

Ao todo, o prédio tem 1.305 metros quadrados de área construída. A nova sede reserva ainda 235 metros quadrados de estacionamento, com vagas cobertas para idosos e pessoas com deficiência física. A conclusão da parte térrea, que inclui um auditório e o estacionamento, está marcada para fevereiro de 2014.

AUTORIDADES - A solenidade de inauguração contou com a presença de dezenas de convidados entre os quais o prefeito Walace Guimarães, a procuradora-chefe substituta do Ministério Público do Trabalho Ana Gabriela Oliveira de Paula, o presidente da OAB/MT, Maurício Aude, a presidente da subseção local da Ordem, Flávia Moretti, o juiz Juliano Girardello, titular da 2ª Vara de Várzea Grande e que ocupa atualmente a função de Juiz Auxiliar da Presidência do TRT, além das juízas Graziela Lima e Amanda Silveira.


AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2018 - Todos os direitos reservados