Quinta, 12 de outubro de 2017, 08h14
Tamanho do texto A- A+


Polícia / investigação

Autor de homicídio ocorrido há mais de 15 anos é preso em VG

O suspeito, Natalino Souza Ribeiro, estava com a ordem de prisão decretada pela 1ª Vara Criminal Especializada de Várzea Grande, apontado como autor da tentativa de homicídio contra J.F.R.V., ocorrida no dia 27 de outubro de 2002

Mayke Toscano/Gcom-MT

Clique para ampliar



O autor de uma tentativa homicídio, ocorrida há quase 15 anos, teve o mandado de prisão cumprido pela Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), através do trabalho especializado do Núcleo de Inteligência da unidade.

 

O suspeito, Natalino Souza Ribeiro, estava com a ordem de prisão decretada pela 1ª Vara Criminal Especializada de Várzea Grande, apontado como autor da tentativa de homicídio contra J.F.R.V., ocorrida no dia 27 de outubro de 2002, no bairro Construmat, em Várzea Grande.

 

O mandado de prisão contra o suspeito foi decretado em setembro de 2010.

 

A ação penal foi suspensa provisoriamente e corria a revelia do acusado, por estar em local incerto e não sabido da Justiça desde então.

 

No dia 24 de julho deste ano, durante trabalho de revisão processual, a Vara encaminhou uma cópia do mandado para a DHPP, que iniciou as investigações para localização do suspeito.

 

O mandado de prisão preventiva contra o foragido foi cumprido no bairro Três Barras, em Várzea Grande.

 

Segundo o delegado titular da DHPP, André Renato Gonçalves, a delegacia recebeu vários mandados de prisão, decorrente da revisão processual da 1ª Vara Criminal de Várzea Grande.

 

“A DHPP está fazendo todos os levantamentos e checagens com objetivo de dar cumprimento a esses mandados que são relativos a crimes de homicídios tentados e consumados”, destacou o delegado.

 



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2013 - Todos os direitos reservados