Quarta, 07 de março de 2018, 08h59
Tamanho do texto A- A+


Polícia / investigados em roubos

Jovens são presos com simulacros de fuzil

A ação foi deflagrada após deferimento das ordens judicias baseadas em investigações

Três mandados de prisão e cinco busca e apreensão domiciliar foram cumpridos pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf-VG), da Polícia Judiciária Civil, nas investigações de crimes de roubo circunstanciado e associação criminosa.

A ação foi deflagrada após deferimento das ordens judicias baseadas em investigações, para apurar roubo ocorrido em um comércio, no mês de setembro de 2017, no bairro Vila Arthur.

Um dos suspeitos, Raphael Sanches de Lima, 21, conhecido como “Bambinho”, foi conduzido da Penitenciária Central do Estado (PCE) para ser interrogado na Delegacia, onde tomou ciência do mandado de prisão decretado em seu desfavor.

O jovem foi preso em flagrante no dia 23 de fevereiro, quando cometia roubo em uma agência do Banco Itaú, localizada no bairro Jardim Leblon, em Cuiabá. Na ocasião foi encontrada uma foto de Raphael ostentando uma arma de fogo de cano longo. O suspeito também é investigado por participar de roubo à residência, cometido no dia 06 de fevereiro.

Outros dois suspeitos, identificados como Deyverson Ferreira de Oliveira Motta, 26, conhecido como “Gordinho”, e Allan Deveny Nogueira Ludwig, 24, tiveram os mandados de prisão cumpridos em suas respectivas residências. Em poder deles os investigadores apreenderam dois simulacros de fuzil, tipo Air Soft, sendo um deles já adaptado para ser utilizados nos crimes.

A dupla foi interrogada pela delegada de polícia, Jannira Laranjeira Siqueira Campos Moura, e negou a participação no roubo. No entanto, o documento CRLV do veículo modelo Chery Face, de Deyverson, usado no assalto, foi apreendido em sua residência no bairro Cristo Rei. Nos aparelhos celulares dos jovens também foram encontradas fotografias deles ostentando relógios roubados da marca Invicta.

Segundo a delegada, todos são rescindentes em crimes patrimoniais e tráfico de drogas, além de possuírem extensa ficha criminal. A delegada afirmou que as diligências continuam com objetivo de localizar e prender outro integrante do grupo criminoso.



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2018 - Todos os direitos reservados