Terça, 11 de dezembro de 2018, 10h28
Tamanho do texto A- A+


Polícia / interior de mt

PM prende três suspeitos, apreende armas e mais de 270 munições

A ocorrência foi na fazenda Missionera, e uma pessoa que era mantida em cárcere privado no local ajudou a polícia a localizar parte do bando

A Polícia Militar de Nova Ubiratã (476 km de Cuiabá) libertou vítima que estaria em cárcere privado e sob vigilância de vários suspeitos fortemente armados na fazenda Missionera. E ainda prendeu três suspeitos que tentaram fugir pela mata. Os militares acompanhavam, na ocasião, oficiais de justiça da Comarca da cidade, que teriam ido ao local para uma inspeção judicial da área.

Várias armas estavam visíveis sobre a mesa, enquanto alguns dos suspeitos fugiam pelos fundos da propriedade, sendo avistados cinco deles em direção à mata. Os policiais foram atrás até perder o rastro de vista. No decorrer da ação policial, três suspeitos foram presos, Sidney Alves da Silva, 42 anos, Edilson da Silva, 56, e Gilberto Ribeiro Arruda, 41, dois morreram em confronto (não possuíam documentos) e mais de 270 munições e várias armas foram apreendidas.

Enquanto a vítima era mantida em cárcere na fazenda, acompanhou os suspeitos entregarem suprimentos e armamentos para outros comparsas que estariam em acampamentos próximos ao local. Três destes lugares a vítima se lembrava e repassou as informações para as equipes de polícia.

Já no primeiro ponto foi avistado um indivíduo saindo do mato para a estrada, que teria retornado para o mato atirando contra os militares. Em defesa, os policiais reagiram, mas o suspeito conseguiu fugir.

No outro ponto, a cerca de 10 km da fazenda, dois indivíduos estariam em cima de uma esteira de um caminhão e foram detidos. E no terceiro lugar informado pela vítima, que é residência de outra fazenda, foram encontradas armas como rifle, pistola Glock e espingarda. O morador da casa foi detido, pois também estaria envolvido na invasão da fazenda Missionera.

Com apoio do Ciopaer e da Força Tática foi traçada uma estratégia para localizar todos os suspeitos, que seriam mais de 10 pessoas. E, no início da manhã desta segunda-feira (10.12), ao retornar de diligências na fazenda, os policiais foram recebidos à bala. Houve troca de tiros, mas o bando se embrenhou na mata fechada.

Na continuidade das diligências, policiais da Força Tática encontraram várias pessoas suspeitas carregando arma longa e curta, que também reagiram com tiros quando solicitado para largarem as armas. Os criminosos saíram correndo e atirando contra os policiais que revidaram e se abrigaram em um matagal, deitados ao chão até cessar os disparos, pois o lugar era escuro.

Após algum tempo sem movimentação, os policiais fizeram uma varredura pelo local e encontraram dois suspeitos caídos, ainda com as armas. Eles foram socorridos pelos policiais, mas morreram no hospital, sendo localizadas munições em suas vestimentas. Ambos não possuíam nenhum documento que os identificasse.

Foram apreendidos um revólver Taurus 38 oxidado, com 8 munições intactas, um revólver Taurus .357 com sete munições intactas, uma espingarda carabina calibre .22 com carregador municiado com 11 munições, uma carabina Amadeo Rossi cal. 38 com munições, um cinto com munições calibre 38, .357, .20 e .22, totalizando 247 munições intactas e seis deflagradas.



AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2018 - Todos os direitos reservados