Quinta, 02 de junho de 2011, 16h09
Tamanho do texto A- A+


Política / SENADO

Projeto que isenta de imposto cadeira de rodas é aprovado

Foi aprovado na manhã desta quinta-feira (2), na Comissão de Infraestrutura (CI), o Projeto de Lei (PLS 130/11) do senador Pedro Taques (PDT-MT), que isenta as cadeiras de rodas do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). A proposta relatada pelo senador João Pedro (PT-AM) recebeu duas emendas na redação.

Ao contrário do que ocorre em países europeus, onde o Estado financia o acesso a itens de reabilitação, no Brasil esse custo é assumido pelo cidadão. Com o projeto, o produto poderá ficar livre da cobrança do IPI e das alíquotas da Contribuição para Financiamento da Seguridade Social (Cofins) e do Programa de Integração Social/Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PIS/PASEP). A matéria o visa corrigir a distorção que atinge, sobretudo, pessoas menos favorecidas.

O resultado do Censo 2000 realizado pelo IBGE mostra um número maior de portadores de deficiência do que o esperado: 24,5 milhões de pessoas, 14,5% da população brasileira. Desse total, 4,1% possui alguma deficiência física com implicações na locomoção.

O senador Pedro Taques observa que a diminuição do preço final das cadeiras de rodas contribui para o exercício da liberdade e da cidadania desses brasileiros. Ele lembra que, desde 2005, os portadores de deficiência são beneficiados com a isenção do IPI na aquisição de automóveis nacionais, o que reforça a necessidade de ampliação do benefício.

As isenções foram aprovadas nesta quinta-feira (2) pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH).

O projeto segue para decisão terminativa da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).


AVALIE:
0
0
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

FECHAR
Mato Grosso Notícias © 2018 - Todos os direitos reservados